Siga nas Redes Sociais

Em Evidência

Empresário da cantora Eliza Clívia recebe alta médica

Publicado

em

Na manhã desta segunda-feira (19), o empresário José Paulo Tavares da Silva, 32 anos, recebeu alta médica da ala verde do Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), em Aracaju (SE), onde estava internado desde a última sexta-feira (16). Ele foi uma das cinco vítimas do acidente que matou a cantora Eliza Clívia , ex-vocalista da Cavaleiros do Forró, e o esposo dela, o baterista Sérgio Ramos.

De acordo com a assessoria de comunicação do Huse, ainda é grave o estado de saúde da terceira vítima, o motorista do veículo Cleberson José dos Santos, 35 anos, que teve politrauma e traumatismo crânio encefálico. Ele já foi transferido da ala vermelha para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI). “O estado de saúde dele é estável, porém o quadro ainda é grave. A gente tirou a sedação, mas por se manter muito agitado, voltamos a sedá-lo”, disse o superintendente do Hospital de Urgência de Sergipe, o médico Luiz Eduardo Prado Correia.

No sábado (17), o sanfoneiro Paulo Texeira de Carvalho, 38 anos, após receber alta, falou sobre o que aconteceu minutos antes da batida. “Fomos até uma emissora de TV dar uma entrevista e na saída não deu cinco minutos, passamos por um quebra-molas e saímos bem devagarinho e logo em seguida o ônibus bateu. Ele [o motorista] não parou. Tinha placa de pare. Estávamos sendo guiados pelo GPS”, comentou.

lizia, que iniciou a carreira solo há quatro meses, estava em Aracaju para divulgar um show, que seria realizado na noite da sexta-feira (16), quando o veículo em que estava bateu contra um ônibus no centro da capital.

O acidente está sendo investigado pela Delegacia Especial de Delitos de Trânsito, que ainda não se pronunciou sobre o assunto. Já a Secretaria de Segurança Pública informou que o motorista do ônibus já prestou depoimento.

Fonte: G1

Comentários

Continue Reading
Comente

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Em Evidência

Cantora Elayne Moreno volta aos palcos em projeto solo

Publicado

em

Por

A cantora Elayne Moreno está de volta aos palcos. As novidades na carreira foram divulgadas nas redes sociais esta semana. O projeto, segundo ela, é mais intimista e vai do forró das antigas ao sertanejo.

“Como já havia prometido a todos, trago novidades! O ano novo chegou, e com ele, uma nova fase em minha vida, estou de volta aos palcos em um projeto intimista levando muito forró das antigas, sertanejo , muita musica boa para animar em todas as ocasiões “, disse nas redes sociais.

Elayne já passou por bandas como Forró de Salto, Banda Líbanos, Forró Sem Limite e Forrozão das Antigas.

Comentários

Continue Reading

Em Evidência

Ex-Mala 100 Alça comemora 2 anos de carreira solo

Publicado

em

Por

Foto: Divulgação

A cantora e compositora paraibana Marah Neves completou dois anos de carreira solo no último sábado (2). Para quem não lembra, ela integrou bandas como ‘Menina Cobiçada’, ‘Forró da Xêta’, ‘Regaton’ e ‘Mala 100 Alça’.

Foi com a Mala que a cantora caiu na estrada e viajou o Brasil. Chegou a se apresentar para públicos de mais de 50 mil pessoas. Na banda de Araripina gravou a canção ‘Caminho Aberto’.

Há dois anos, Marah decidiu seguir com seu projeto solo com um estilo diferenciado. Ela é destaque no cenário musical da capital paraibana com um show bem eclético baseado no forró, além dos hits do momento que não podem faltar no repertório.

O CD está no forno e vem com canções inéditas que mesclam entre o romantismo e a batida mais dançante, além de muitas novidades para este ano.

Comentários

Continue Reading

Em Evidência

Rainer: “se fossemos menos egoístas, o forró estaria em alta”

Publicado

em

Por

Foto: Facebook/Cavalo de Pau

O Brasil inteiro conheceu e se emocionou com a história dele. Agora é hora de focar no trabalho e principalmente nos rumos que o forró vem tomando. Rainer Rylker, atual vocalista da Cavalo de Pau, é mais um cantor que engrossa o coro por mais união no ritmo.

“A união faz a força. Se fôssemos mais unidos, menos egoístas, o forró estaria em alta”, disse ao Forró Dicumforça.

Para ele, que já passou pelo forró Mastruz com Leite, o ritmo está em crise, mas pode se reerguer. “Está vivendo uma crise, mas vai se reerguer”, afirma.

Feliz e recebendo o apoio da família, Rainer conta que é possível vencer qualquer vício. “Me sinto feliz, ao lado de quem me ama e me dá apoio. Ir para a Cavalo de Paulo foi um recomeço e como dizia Raul Seixas: tente outra vez”, comemora, dando uma aula de otimismo.

“É possível vencer qualquer vício, bastar sentir o real desejo de parar, de mudar, e ter o apoio de verdadeiros amigos e familiares. Quero agradecer aqui o espaço e carinho de todos que fazem o Forró Dicumforça. Estamos juntos”, declarou.

Após deixar o Mastruz com Leite, Rainer Rylker chegou a trabalhar como Uber. Em abril do ano passado, o programa Domingo Show, da TV Record, mostrou para todo o Brasil a sua luta contra a depressão e o vício em drogas. Após o tratamento, o cantor reencontrou a família e a carreira.

Comentários

Continue Reading

Mais Lidas